Artigos
Pandora é aqui
Créditos fotos: 1 e 2: Mundo submarino – imagens da Internet, contidas no PPS Underwater – Adriana; 3 e 4: Lençóis Maranhenses e Floresta Amazônica: Lúcio Fonseca A boa ficção científica tem este efeito: projetando-nos no futuro, faz-nos refletir sobre o presente. Pandora – a lua de natureza luxuriante e em perfeita harmonia – mostrada no imperdível filme Avatar – é aqui. Faz sentido destruí-la por aboluta ignorância (produção desnecessária e descarte absolutamente inconsequente de lixo, esgotamento dos recursos oceânicos, matança dos rios por destruição das matas ciliares e lançamento de agrotóxicos, mercúrio e resíduos industriais) ou em troca de mais...
(Des)aquecimento global: pequenas atitudes individuais, grandes resultados gerais
Mudar a curva do aquecimento global não é tarefa exclusiva dos governantes e das grandes empresas. Cada um de nós pode fazer muito mais do que imagina. Sem grandes sofrimentos e até economizando um bom dinheiro....
Cop 15: buscando a saída do beco
A partir da Revolução Industrial, o mundo entrou num ciclo de desenvolvimento vertiginoso, cujos benefícios são inegáveis, mas com efeitos colaterais inimagináveis. Simplesmente, estamos “contratando” a destruição da casa que nos abriga, ao sobrepor o interesse econômico – importante e necessário – aos interesses ambientais e sociais, que são vitais para a sobrevivência e a qualidade de vida. Afrontando os interesses ambientais, exaurimos os recursos naturais, poluímos os rios, devastamos a biodiversidade e expelimos quantidades exponencialmente crescentes de gases do efeito estufa, provocando artificialmente o aquecimento do planeta e, consequentemente, dramáticas mudanças climáticas. Tal desvario, já não há mais dúvidas,...
Implantar um ERP ou escalar o Everest: da euforia ao drama; do drama à satisfação
Informatizar a organização, para “ter informação na ponta dos dedos”, é como realizar o sonho de ver o mundo do topo do Everest: visão ampla, abrangente, sistêmica, e com domínio dos detalhes. Mas, assim como não se resolve, numa 6ª feira à tarde, que “já que não tenho nada pra fazer no fim de semana, vou escalar o Everest”, para implantar sistemas informatizados robustos e sofisticados, como os ERP – Enterprise Resource Planning, considerados como a base necessária para a o desenvolvimento da “inteligência dos negócios”, é .preciso preparar-se. E muito bem. Não são poucos os casos de insucesso e...
QUALIDADE E PRODUTIVIDADE NO SISTEMA EDUCACIONAL
Em poucas décadas, o mundo se transformou por inteiro. Conceitos e verdades se evaporaram, novos conceitos e novas verdades se criam e se recriam a espaços de tempo cada vez mais curtos, movidos pela energia criativa da juventude, pela globalização e o big bang tecnológico. No entanto, alheia às dramáticas mudanças e à ebulição à sua volta, a Escola continua, em muitos casos, privilegiando a mera acumulação de informações (ou pior, de dados), tarefa inútil para uma sociedade que não é mais industrial. Inúmeras são as exigências para os atuais e futuros profissionais: alta competência em leitura e escrita, alta...
Ignância: um novo vocábulo para um velho problema
Não entendo a polêmica “A Amazônia é propriedade do Brasil ou do mundo?”. Em breve (muito breve, infelizmente), o que haverá é apenas uma Amazônia virtual, em 2D, plana, pois a cobertura vegetal terá desaparecido. Trabalharão, então, por algum tempo, com mais facilidade e vigor, as mineradoras, carcomendo o chão até restar apenas o nada. Terra vermelha, batida pelo vento. Quem vai querer? De hora em hora, parte significativa daquele extraordinário bioma vai embora. Esburaca-se o pulmão do mundo, vende-se o corpo da floresta – levando junto sua alma – altera-se o clima local e planetário, liqüidam-se inúmeras espécies da...
Estruturando tecnologicamente a escola – 1a. parte
Tirar uma escola do mundo analógico e inseri-la no mundo digital requer um investimento financeiro que pode ir do razoável ao muito grande, dependendo das aspirações e do projeto (ou falta dele). Se dinheiro é uma condição necessária, nem de longe é suficiente, no entanto. Há um longo caminho a ser percorrido antes até de se colocar a mão no bolso. Neste e nos próximos artigos, pretendemos dar um dos caminhos possíveis para sintonizar a escola com a sociedade de base tecnológica em que vivemos. PASSO 1: Querer é poder! Se uma escola ainda está no mundo da gaveta cheia...
Tecnologia na Escola: por quê?
Conhecer o passado para entender o presente e vislumbrar o futuro das relações entre sociedade, tecnologia e escola. Este é o objetivo principal desse artigo. A Sociedade humana já foi ORAL. Nesse tempo, a tecnologia para preservação e transmissão do conhecimento e da cultura era a palavra e a metodologia, a repetição. Sentados ao redor da fogueira, os membros da tribo escutavam histórias, repetidas ad infinitum pelos anciãos. Se fôssemos representar graficamente a sociedade oral, o melhor símbolo seria o círculo. O conhecimento existente – as tradições e os mitos – circulavam continuamente, através da repetição. Chegou o tempo da...
Educação de Qualidade? Guaranésia diz: “Presente”
A bucólica Guaranésia A Escola Estadual Carvalho Brito Treinamento de Práticas Inovadoras em Sala de Aula: redescobrindo o prazer de ensinar e… aprender Guaranésia, município mineiro de aproximadamente 20.000 habitantes, situado a 500 quilômetros de Belo Horizonte, tinha tudo para ser apenas mais uma das bucólicas e aprazíveis cidadezinhas do belíssimo sul de Minas, voltada quase exclusivamente para a produção de tecidos de algodão cru (são 7 fábricas). Mas o ar puro e a calma que ali se respiram escondem uma vocação forte para o desenvolvimento, sem perda da qualidade de vida. É lá que se encontra a Escola Estadual...
A bomba-relógio da demografia
O site da BBC Brasil publica matéria que corrobora o alerta que eu havia feito no texto “Uma verdade indigesta…”. Veja a manchete e os “melhores” (???) momentos do texto, que pode ser lido na íntegra em http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2007/06/070627_relatoriopopulacao2007_pu.shtmlMundo terá 9 bilhões de pessoas em 2050, diz ONU (…) E até 2030, cinco bilhões de pessoas viverão nas cidades, o equivalente a 60% da população, disse o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA).E até 2030, cinco bilhões de pessoas viverão nas cidades, o equivalente a 60% da população, disse o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA). (…) Na América...
1 2 3 4 >