Info-dica: presas e predadores na selva digital

A selva digital pouco difere da real. Há continuamente predadores à espreita de presas incautas. Um dado importante: grande parte dos problemas relacionados com a segurança de informação se deve a posturas descuidadas ou efetivamente de risco dos usuários (inclusive domésticos): senhas fracas, hábito de abrir tudo o que aparece, etc. Cartões digitais, do tipo “Lembrei de você…”, “Fulano (mesmo conhecido) te mandou um cartão…” e outros do gênero são potenciais portadores… de más notícias (posteriormente). Sugestão: infelizmente, é melhor nem abrir nem enviar. Os predadores digitais vão ficar chateados com você, mas, que fazer?

1 Comentário
1 Comentários
  1. Caro mestre, que bom vê-lo na ativa e, como sempre, otimista. Otimismo é uma doença rara e contagiosa (assim como o bom humor) e necessitamos dela muito mais do que da gripe aviária.
    Belíssimo e útil blog.
    Parabéns! que Deus continue te abençoando! Saravá!
    Seu amigo,
    Celso.

Comente